Velocidade no emagrecimento

A velocidade do emagrecimento é importante?

Velocidade no emagrecimento importa?

A velocidade no emagrecimento é realmente importante? É melhor emagrecer rápido ou devagar?

A resposta é: depende. A gente sempre leva em consideração a individualidade do paciente.

Existem pacientes que gostam desse resultado mais rápido e isso o estimula bastante a continuar no processo.

Alguns outros, se forem colocados em processos extremamente rígidos, não conseguem ficar até o final ou depois desistem.

Isso porque o corpo pode entrar nesse estado de “sofrimento” e, às vezes, vem uma busca inconsciente do prazer, como se fosse libertação.

Então a gente precisa tentar entender onde o paciente consegue ficar e bem, para que a gente consiga chegar no resultado esperado.

Por que é tão difícil emagrecer? Clique aqui e saiba mais sobre esse emagrecimento saudável. 

Mudança no estilo de vida

Existem dietas que são mais rígidas e alguns pacientes têm resultados significativos e, às vezes, a mudança do estilo de vida até o paciente realmente conseguir adquirir aquele hábito, é variável.

Algumas vezes eu utilizo a mudança do estilo de vida primeiramente, para o paciente se adaptar e depois, quando ele está já está em um nível bom, gostando do que está fazendo, eu entro com o procedimento pouquinho mais rígido.

Os resultados são muito legais, porque o paciente realmente já tem prazer naquela rotina.

Quando a gente for pensar num tratamento, eu sempre falo que a gente precisa transformar a vida do paciente e essa rotina em algo gostoso, em algo bom, que ele tenha prazer de fazer.

Isso demora um pouquinho, mas quando ele consegue chegar nesse ponto a gente sabe que ele vai levar isso para o resto da vida, vai virar um hábito.

E aí a tendência é que não tenha o reganho de peso, ele não vai ficar no efeito sanfona.

Mais devagar e mais constante

Quem não quer um efeito rápido? Só que nem sempre é possível.

Engraçado que antigamente o que eu mais escutava no consultório era essa necessidade da rapidez.

Hoje em dia, como tem muita gente que já esteve em processos e se frustrou e ganhou peso novamente, essa pessoa já vem pedindo para ir com calma, porque quer que seja longo esse processo, algo sólido.

Então a gente sempre precisa analisar como está a situação atual do paciente, o trabalho, a vida.

Às vezes eles estão mudando de trabalho, mudando de casa, a família está com algum problema e é difícil imaginar que um paciente vai tentar mudar tantas coisas ao mesmo tempo e vai ter sucesso.

A gente precisa diminuir a possibilidade de erro e chegar nesse equilíbrio para o paciente ficar bem e ver o perfil de cada um.

Emagrecimento e flacidez

E na pele o emagrecimento rápido tende a ter mais flacidez.

Claro que isso depende da genética, da qualidade de alimentação, mas dietas restritas e de perda de peso rápido a gente tem um dano maior na pele.

Isso acontece principalmente porque com dietas muito restritas de calorias a gente também tem uma diminuição do aporte de proteínas, que vai influenciar diretamente nessa questão da flacidez.

E a gente precisa melhorar isso, sempre tentando associar a tratamentos estéticos, também com suplementação de alguns aminoácidos que vão funcionar para melhorar toda essa consequência.

No comments yet.

Leave a comment

Your email address will not be published.