Celulite e alimentação: qual a relação entre elas?

A celulite tem alguma relação com a dieta?

Celulite pode piorar ou melhorar com mudança na alimentação?

 

A celulite é nosso tema de hoje, celulite e alimentação.

Que mulher não se incomoda com a celulite?

Hoje a gente sabe que a celulite é uma lipodistrofia, ou seja, nada mais é do que um acúmulo de gordura sob a pele.

E geralmente em áreas em que essa gordura tem influência de estrógeno, um hormônio feminino, mas alguns homens também podem apresentar celulite. É menos comum, mas existe.

As principais áreas que sofrem com a celulite são culote, posterior de coxa, quadril e glúteo, o mais famoso.

Celulite na adolescência

Cada vez mais cedo as adolescentes têm apresentado celulite. Por quê?

Uma das possibilidades que nós pensamos é uma exposição a disruptores endócrinos, o que altera a biodisponibilidade dos hormônios.

Também a uma alimentação errada que aumenta os índices inflamatórios.

A gordura é um tecido pró inflamatório e quanto maior o nível de inflamação no nosso corpo, maior essa apresentação.

O uso de anticoncepcionais também pode estar relacionado.

Além de aumentar os hormônios femininos, a gente tem uma diminuição da testosterona na mulher e isso acarreta uma modificação do padrão.

Como emagrecer de forma saudável e definitiva? Clique aqui e saiba mais. 

Alimentos que pioram a celulite

Quais alimentos, qual seria a orientação para quem se incomoda com a celulite em relação à alimentação?

Porque a questão não é só emagrecer, inclusive porque a magra também pode ter celulite.

A gente sabe que têm fatores genéticos que são bem importantes, inclusive, mas como a gente pode controlar e melhorar isso com a alimentação?

A gente vai colocar também um outro ponto importante que é a atividade física.

A musculação, os exercícios de resistência levam a uma melhora da celulite na mulher.

A gente, às vezes, evita e prefere os aeróbicos, mas isso faz muita diferença.

A gente precisa de uma alimentação com menos alimentos pró inflamatórios e o açúcar entra como um vilão, porque ele aumenta muito a inflamação corpórea.

Temos falado muito sobre o trigo por conta de glúten, então a diminuição do consumo da farinha branca também entra aqui.

Refrigerantes e celulite

Refrigerante piora a condição ou não? Essa é uma questão mais ligada ao açúcar.

A questão é que são tantos produtos químicos no refrigerante que sim, a gente vai pensar em um aumento de inflamação no corpo.

Quanto maior a nossa ingestão de alimentos naturais, de comida de verdade, a tendência é diminuir essa expressão da celulite.

Reduzir o consumo de açúcar, de alimentos gordurosos e de industrializados no geral, isso auxilia no tratamento da celulite.

Perder peso melhora?

E em relação à magra e à pessoa que está perdendo peso, isso acaba melhorando a celulite?

Sim. Como é uma deposição de tecido de gordura sob a pele, emagrecendo a gente também vai ter uma melhora da celulite e melhorando também a massa muscular dessa paciente.

Uma boa opção são os tratamentos conjuntos.

Tratamentos estéticos

Além de emagrecimento, partir também para o tratamento estético, porque assim esse resultado vai ser potencializado.

Na dermatologia a gente tem toda a tecnologia a nosso favor.

A radiofrequência consegue auxiliar bem nesse tratamento e existem inúmeras radiofrequências no mercado.

Claro que o pilar principal é atividade física e alimentação equilibrada, mas a radiofrequência consegue fazer como se fosse um processo anti-inflamatório dessa região. melhorando até o aporte de oxigênio.

Além disso a pessoa que já tem um certo grau de flacidez consegue com que essa flacidez seja diminuída com a radiofrequência, ela trabalha toda parte de contorno corporal

Nós temos o ultrassom microfocado que também trabalha isso, existem os bioestimuladores e também fitoterápicos que a gente usa para auxiliar no tratamento.

A gente pode atuar o quanto antes, o que é melhor.

No inverno existe uma tendência a comer mais, acumular mais gordura e com isso a celulite acaba aumentando.

Então a minha recomendação é desde o inverno mantenha o seu equilíbrio de alimentação e atividade física e pelo menos três meses antes do verão inicie as terapias conjugadas.

Se você se incomoda com a celulite, a recomendação é: alimentação balanceada, com alimentos anti-inflamatórios, atividade física e tecnologia associada.